segunda-feira, 27 de abril de 2009

Música e músicas

Oi galera, meu nome é Prado, Alô Prado. Sou compositor e músico, apesar de não ter sido apresentado ao grande público ainda. Mas o que realmente interessa é essa nova seção: Vamos aqui comparar letra e música de canções atuais e canções dos tempos de antigamente. Parafraseando meu amigo Zezão, "não se faz mais nada como antigamente".
Agora vamos a uma comparação entre músicas teen, dos tempos atuais e dos tempos de antigamente:

"Bem ou Mal"
Nx Zero
Composição: Diego Ferrero / Leandro Rocha / Túlio Dek
O começo e o fim podem ser iguais/Depende de quem vai achar uma resposta/A inveja que mata não me afeta mais/Pois o que conquistei tem o direito de ser meu./(Entre o bem e o mal, e a escolha certa/Pouco tempo pode ser demais pra quem sabe o que quer/Pra quem respeita a vida e assim mesmo/O tempo muda sempre cada vez mais/E dentro de você existe o bem e o mal/e a escolha certa)/A vida é curta demais pra sempre reclamar/e não correr atrás dos sonhos que almeja/o que você me diz, não me afeta mais/pois o que conquistei tem o direito de ser meu/(Entre o bem e o mal, e a escolha certa/Pouco tempo pode ser demais pra quem sabe o que quer/Pra quem respeita a vida e a si mesmo/O tempo muda sempre cada vez mais/E dentro de você existe o bem e o mal/e a escolha certa)Então chega ae Túlio Dek,Então vai!Então faça a sua escolha logo e se decida/Vai querer o mal ou o bem pra sua vida?/O tempo é muito curto, não pode demorar/Escolha qual caminho você vai querer trilhar/Tudo nessa vida é merecimento/O que a brisa leva, volta com o vento/Se não se decidiu, então corra atrás/Entre o bem e o mal, eu fico com a paz!/E pouco tempo pode ser demais pra quem sabe o que quer/Pra quem respeita a vida e a si mesmo/O tempo muda sempre cada vez mais/E dentro de você existe o bem e o mal e a escolha certa.
Fonte: http://letras.terra.com.br/nx-zero/1291493/

Agora vão falar que é sacanagem, que o cara é um poeta, mas ele lançou essa música quando tinha apenas 18 anos...

"Juca"
Chico Buarque
Composição: Chico Buarque
Juca foi autuado em flagrante/Como meliante/Pois sambava bem diante /Da janela de Maria/Bem no meio da alegria/A noite virou dia/O seu luar de prata/Virou chuva fria /A sua serenata /Não acordou Maria/Juca ficou desapontado/Declarou ao delegado/Não saber se amor é crime/Ou se samba é pecado/Em legítima defesa/Batucou assim na mesa/O delegado é bamba/Na delegacia/Mas nunca fez samba/Nunca viu Maria.

Fonte: http://letras.terra.com.br/chico-buarque/85980/

Resumo da ópera: Atualmente é preciso um bando de gente sem cabeça pra fazer uma musiquinha medíocre. Pare pra prestar atenção na frase genial do NX Zero à esquerda: "O tempo muda sempre cada vez mais". Filosófico... Antigamente um rapaz só podia ser um gênio.
Acha pouco? Mais algumas letras do jovem Chico Buarque de Hollanda, com apenas 18 anos:

"A Banda"
Chico Buarque
Composição: Chico Buarque
Estava à toa na vida/O meu amor me chamou/Pra ver a banda passar/Cantando coisas de amor/A minha gente sofrida/Despediu-se da dor/Pra ver a banda passar/Cantando coisas de amor/O homem sério que contava dinheiro parou/O faroleiro que contava vantagem parou/A namorada que contava as estrelas parou/Para ver, ouvir e dar passagem/A moça triste que vivia calada sorriu/A rosa triste que vivia fechada se abriu/E a meninada toda se assanhou/Pra ver a banda passar/Cantando coisas de amor/Estava à toa na vida/O meu amor me chamou/Pra ver a banda passar/Cantando coisas de amor/A minha gente sofrida/Despediu-se da dor/Pra ver a banda passar/Cantando coisas de amor/O velho fraco se esqueceu do cansaço e pensou/Que ainda era moço pra sair no terraço e dançou/A moça feia debruçou na janela/Pensando que a banda tocava pra ela/A marcha alegre se espalhou na avenida e insistiu/A lua cheia que vivia escondida surgiu/Minha cidade toda se enfeitou/Pra ver a banda passar cantando coisas de amor/Mas para meu desencanto/O que era doce acabou/Tudo tomou seu lugar/Depois que a banda passou/E cada qual no seu canto/Em cada canto uma dor/Depois da banda passar/Cantando coisas de amor/Depois da banda passar/Cantando coisas de amor...

Fonte: http://letras.terra.com.br/chico-buarque/45099/

"A Rita"
Chico Buarque
Composição: Chico Buarque
A Rita levou meu sorriso/No sorriso dela/Meu assunto/Levou junto com ela/O que me é de direito/E Arrancou-me do peito/E tem mais/Levou seu retrato, seu trapo, seu prato/Que papel!/Uma imagem de são Francisco/E um bom disco de Noel/A Rita matou nosso amor/De vingança/Nem herança deixou/Não levou um tostão/Porque não tinha não/Mas causou perdas e danos/Levou os meus planos/Meus pobres enganos/Os meus vinte anos/O meu coração/E além de tudo/Me deixou mudo/Um violão.

Fonte: http://letras.terra.com.br/chico-buarque/85827/

Preciso dizer mais ou tá bom assim?!

seja o primeiro a comentar!